CGJ realiza correição na região de Araçatuba

Nove comarcas receberam equipe da Corregedoria.

 

        A Corregedoria Geral da Justiça (CGJ) promoveu, entre os dias 4 e 6 de setembro, correição ordinária em fóruns na região de Araçatuba, sede da 36ª Circunscrição Judiciária. As visitas da equipe correicional compreenderam, além de Araçatuba, as comarcas de Bilac, Birigui, Buritama, Guararapes, Penápolis e Valparaíso.

        Inicialmente, o corregedor-geral da Justiça, desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças, reuniu-se com magistrados no Salão do Júri do Fórum de Araçatuba.O maior escopo da Corregedoria é a orientação. Nossa equipe de juízes assessores e servidores está à disposição para auxiliá-los”, disse. O corregedor destacou que as comarcas que passam por correição recebem uma prestação de contas e experiências exitosas para aprimorar a atividade judiciária.

        Na ocasião, Pereira Calças também falou sobre a carreira da Magistratura. “Ser juiz, que é um servidor público, é algo que nos enobrece e, ao mesmo tempo, nos impõe vários deveres importantíssimos”, afirmou. “A atuação da Magistratura tem que ser marcada, fundamentalmente, pela ética, moral e bons princípios.”

        O desembargador Antonio Carlos Debatin Cardoso, coordenador-adjunto da 36ª Circunscrição Judiciária, também estava presente e compartilhou um pouco de sua experiência. O juiz diretor do fórum de Araçatuba, Emerson Sumariva Júnior, agradeceu a presença da equipe da CGJ. “A Corregedoria é recebida em um ambiente de harmonia, alegria, auxílio e irmandade. É importante vermos que temos apoio dos nossos colegas que estão na Corregedoria.”

        Os juízes assessores da CGJ também conversaram com os magistrados e falaram sobre suas áreas de atuação. Marco Fábio Morsello, André Carvalho e Silva de Almeida, Benedito Roberto Garcia Pozzer, Rodrigo Marzola Colombini, Renato Hasegawa Lousano, Fabio Coimbra Junqueira e Silvana Malandrino Mollo abordaram diversos projetos do TJSP: audiências de custódia; treinamento para uso do Sistema de Automação do Judiciário (SAJ); Núcleo de Monitoramento de Perfil de Demandas da Corregedoria (Numopede), que identifica fraudes e o uso predatório da jurisdição; programas na área da Infância e Juventude voltados para Adoção Tardia e Apadrinhamento Afetivo; expansão do Portal de Custas; e implantação do novo sistema de gravação de audiências.

        No período da tarde, o corregedor-geral concedeu entrevista à imprensa local e visitou as dependências da Unidade de Processamento Judicial (UPJ), também conhecida como “Cartório do Futuro”, que abrange da 1ª a 5ª varas cíveis de Araçatuba. Em seguida, Pereira Calças seguiu para a Comarca de Penápolis, onde se reuniu com os juízes e visitou todas os cartórios judiciais e o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc). Na ocasião, conversou com os funcionários e destacou o bom trabalho desempenhado. “Temos muito orgulho do trabalho de vocês e só temos a agradecer pelo empenho dos senhores”, ressaltou.

        Na mesma data, a Comarca de Birigui também foi visitada pela equipe da CGJ. No dia seguinte (6), a correição seguiu nas comarcas de Bilac, Guararapes, Buritama e Valparaíso.

        Prestigiaram a reunião de trabalho os juízes da Comarca de Araçatuba Adeilson Ferreira Negri, Adriana Moscardi Maddi Fantini, Alcides Lourenço Cabral Filho, Antonio Conehero Júnior, Antonio Fernando Sanches Batagelo, Fernando Augusto Fontes Rodrigues Junior, Henrique de Castilho Jacinto, José Daniel Dinis Gonçalves, Márcio Eid Sammarco, Nilton Santos Oliveira, Pedro Siqueira de Pretto, Roberto Soares Leite, Rodrigo Chammes, Sérgio Ricardo Biella, Sonia Cavalcante Pessoa e Wellington José Prates; os juízes da comarca de Birigui Adriano Pinto de Oliveira, Carlos Gustavo de Souza Miranda, Fábio Renato Mazzo Reis, Leonardo Lopes Sardinha e Lucas Gajardoni Fernandes; os juízes da Comarca de Buritama Ana Rita Andres Amaro e Eric Douglas Soares Gomes; os juízes da Comarca de Penápolis Augusto Bruno Mandelli, Heber Gualberto Mendonça, Heverton Rodrigues Goulart, Luciano Brunetto Beltran e Marcelo Yukio Misaka; o juiz da Comarca de Valparaíso Fernando Baldi Marchetti; o juiz da Comarca de Bilac João Alexandre Sanches Batagelo; e o juiz da Comarca de Guararapes Mateus Moreira Siketo.

 

        Mais fotos de Penápolis no Flickr.

        Mais fotos de Araçatuba no Flickr.

 

        Comunicação Social TJSP – VV (texto) / KS (fotos)

        imprensatj@tjsp.jus.br

COMUNICAÇÃO SOCIAL

NotíciasTJSP

Cadastre-se e receba notícias do TJSP por e-mail