Unidade de Processamento das Execuções Contra a Fazenda Pública entra em fase final de implantação

Seções serão reunidas em cartório unificado.

 

        Prosseguindo no projeto de reestruturação do Setor de Execuções Contra as Fazendas, tem início hoje (29) a reunião das seções da unidade para composição de cartório unificado. Os núcleos de elaboração de minutas, processamento digital e consulta programada já foram estruturados e estão trabalhando em novas instalações.

        Nas próximas semanas, será realizada a migração dos cartórios para o novo formato, com a transferência de mais de 50.000 processos físicos, além de mobiliários e equipamentos, para espaço projetado com o objetivo de atender às necessidades da unidade e seus novos fluxos de trabalho.

        Para realizar essa atividade, ficarão suspensos, entre os dias 29/10 e 23/11, os prazos processuais e o atendimento ao público nas seções Estadual, Municipal, Autarquias e no Serviço de Cargas e Consultas Programadas.

        Para evitar maiores prejuízos às partes e seus procuradores, a expedição e entrega de mandados de levantamento terá interrupção somente entre os dias 19 e 23/11.

        Durante todo o período ficam mantidos o atendimento de casos urgentes.

 

        Comunicação Social TJSP – AM (texto) / JT (arte)

        imprensatj@tjsp.jus.br

COMUNICAÇÃO SOCIAL

NotíciasTJSP

Cadastre-se e receba notícias do TJSP por e-mail