Nota de pesar: Morre o desembargador Jarbas Mazzoni

Jarbas Mazzoni foi vice-presidente do TJSP.

         Os integrantes do Tribunal de Justiça de São Paulo lamentam o falecimento do desembargador Jarbas João Coimbra Mazzoni, ocorrido ontem (16), e unem-se aos familiares e amigos nessa hora difícil da despedida. O corpo está sendo velado no Velório Funeral Home (Rua São Carlos do Pinhal, 376, Bela Vista) até às 15 horas de hoje (17), de onde seguirá para o sepultamento no Cemitério São Paulo (Rua Cardeal Arcoverde, 1.250, Pinheiros, São Paulo/SP).

         Jarbas João Coimbra Mazzoni foi vice-presidente do TJSP em 2008 e se aposentou em 1º de agosto daquele ano, após 45 anos dedicados à Magistratura. No último dia em atividade, em uma visita ao Complexo Judiciário Ministro Mário Guimarães (Barra Funda) assim definiu sua passagem pelo cargo diretivo. “Esses sete meses em que ocupei a Vice-Presidência do Tribunal, após ter sido eleito pelo Tribunal Pleno para o biênio 2008-2009, e, nos últimos 15 dias, no exercício da Presidência, passaram como um vento rápido. Por força da lei, despeço-me da carreira de magistrado. Saúdo a todos os presentes, colegas juízes, serventuários, advogados, membros do Ministério Público e policiais militares e, com simplicidade – por ser um homem afeito a hábitos simples –, deixo aqui minha gratidão pela amizade, que é o sentido da existência humana.”

         O Judiciário paulista, no dia de hoje, faz uso de uma de suas frases: “deixamos aqui nossa gratidão pela amizade, que é o sentido da existência humana.”

Paulo Dimas de Bellis Mascaretti

Presidente do TJSP

        Comunicação Social TJSP – foto (arquivo)

       imprensatj@tjsp.jus.br

COMUNICAÇÃO SOCIAL

NotíciasTJSP

Cadastre-se e receba notícias do TJSP por e-mail