TJSP sedia fórum de debates sobre desenvolvimento do País

Alckmin e ministro Dias Toffoli participaram do evento.

 

        O Tribunal de Justiça de São Paulo sediou hoje (5) o Fórum de Debates “Desenvolvimento Paulista, compromisso com o Brasil”, promovido pela Global Council os Sales Marketing (GCSM), no Salão Nobre do Palácio da Justiça. O governador Geraldo Alckmin proferiu a palestra “São Paulo – uma locomotiva a favor do desenvolvimento e do crescimento econômico e social do Brasil”. A abertura do evento ficou a cargo do vice-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro José Antonio Dias Toffoli.

        O presidente do TJSP, desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascaretti, destacou que o Tribunal é um espaço de cidadania, aberto para receber todos os segmentos da sociedade para dialogar e debater. O presidente do GCSM, Agostinho Turbian, agradeceu ao Tribunal pela cessão do espaço.

        Na abertura, o ministro Toffoli, que é paulista, falou sobre a relevância do Estado para a economia e o futuro do País, especialmente em momentos de crise. “São Paulo tem, por tradição, um povo focado no trabalho e na competência. E é assim, trabalhando, que vamos superar os desafios”, disse. Também falou sobre a atuação do Poder Judiciário, que, em sua opinião, cada vez mais assume a função de poder moderador. Por fim, destacou o que considera os três pilares para uma boa gestão – seja na área pública ou na área privada: eficiência, transparência e responsabilidade.

        Em sua palestra, o governador Geraldo Alckmin apresentou números que demonstram a grandiosidade da cidade e do Estado de São Paulo: tem a terceira maior região metropolitana no mundo, com 22,5 milhões de pessoas; o Estado conta com 45 milhões de habitantes; pelo Metrô da Capital circulam 5 milhões de pessoas por dia; é o maior produtor de cana-de-açúcar e laranja do mundo; e é o maior produtor de frutas, flores, ovos, borracha e máquinas agrícolas do Brasil. O governador destacou a importância de São Paulo no agronegócio, na indústria e na área de serviços (com destaque para a Medicina e a Educação) para a retomada do crescimento do Brasil. “É um povo extremamente trabalhador e um estado que está na vanguarda”, afirmou.

        Alckmin também falou sobre o Poder Judiciário paulista e sobre o Relatório de Gestão 2017 do TJSP, que recebeu do presidente Paulo Dimas. “O Tribunal paulista é 100% digital e investe em tecnologia e capacitação. Está sempre na ponta, com as melhores ferramentas”, destacou.

        Antes de encerrar sua exposição, destacou que um dos maiores desafios na América Latina é a área de segurança pública, especialmente o combate ao tráfico de drogas. “Conseguimos reduzir ano a ano a taxa de homicídios em São Paulo. Agora lançamos uma proposta para criação da Agência Nacional de Inteligência, voltada ao combate do tráfico de drogas e de armas, composta pela Defesa, Forças Armadas, polícias e utilizando a inteligência dos Estados”, concluiu Alckmin.

        Paulo Dimas parabenizou o governador pela palestra. Em sua opinião, é essencial para a democracia o fortalecimento das instituições. “Nós, dirigentes, passamos. Mas as instituições precisam ser preservadas.” Também falou sobre a valorização do servidor público e da classe política, que deve promover ações para o bem comum.

        Na ocasião, o GCSM homenageou diversos representantes de instituições públicas e privadas, entre eles o governador; o ministro e o presidente do TJSP. Também estavam entre os homenageados o ex-presidente do TJSP e atual secretário Estadual da Educação, Renato Nalini; o professor Arnoldo Wald e o presidente da Federação da Agricultura do Estado, Fábio de Salles Meirelles, que compuseram a mesa de honra do evento.

        Prestigiaram o fórum de debates o deputado federal Herculano Passos; o comandante-geral de apoio do Comando Aeronáutico; tenente brigadeiro do ar Paulo João Cury; o vice-presidente do TJSP, desembargador Ademir de Carvalho Benedito; o corregedor-geral da Justiça paulista, desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças; o presidente da Seção de Direito Privado do TJSP, desembargador Luiz Antonio de Godoy; o defensor público-geral de São Paulo, Davi Eduardo Depiné Filho; o diretor do Parque de Material Aeronáutico de São Paulo, brigadeiro do ar Marcio de Calazans Braga; o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) e do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais do Brasil, desembargador Mário Devienne Ferraz; o presidente do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, Sidney Stanislau Beraldo; o vice-presidente e corregedor do TRE-SP, desembargador Carlos Eduardo Cauduro Padin; o diretor da Escola Paulista da Magistratura, desembargador Antonio Carlos Villen; a diretora adjunta do Departamento de Assuntos Legislativos da Associação Paulista de Magistrados, juíza Flavia Poyares Miranda, representando o presidente; os secretários de Estado Márcio Fernando Elias Rosa (Justiça e da Defesa da Cidadania), Mágino Alves Barbosa Filho (Segurança Pública) e Arnaldo Jardim (Agricultura); o deputado estadual Itamar Borges; o chefe da Assessoria Policial Militar do TJSP, coronel PM Sérgio Ricardo Moretti; o delegado de polícia chefe de gabinete, Luis Fernando Camargo da Cunha Lima, representando o delegado-geral da Polícia do Estado de São Paulo; o chefe da Assessoria Policial Civil do TJSP, delegado Fábio Augusto Pinto; a conselheira da Ordem dos Advogados do Brasil, Tallulah Kobayashi de Andrade Carvalho, representando o presidente; magistrados; empresários; advogados; servidores e jurisdicionados.

 

        Comunicação Social TJSP – CA (texto) / KS (fotos)

        imprensatj@tjsp.jus.br

COMUNICAÇÃO SOCIAL

NotíciasTJSP

Cadastre-se e receba notícias do TJSP por e-mail