Advogados criminalistas divulgam nota de apoio à corregedora do Dipo

Associação destaca atuação de magistrada.

            O Conselho da Associação dos Advogados Criminalistas do Estado de São Paulo (Acrimesp) emitiu nota de desagravo em favor da juíza corregedora do Departamento de Inquéritos Policiais (Dipo) da Capital, Patrícia Álvares Cruz. Petição encaminhada recentemente ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) pela Defensoria Pública pede a cassação da designação dos juízes que atuam no Dipo.

            Na nota, a associação afirma que “em recente pesquisa de ampla amostragem realizada junto aos advogados criminalistas do Estado” a magistrada “obteve a aprovação e apoio de 78% da categoria”. Segundo o documento, o resultado “indica o respeito e a consideração que os advogados criminalistas têm pela doutora Patrícia Álvares Cruz, que vem realizando um trabalho seguro, competente e justo à frente do Dipo”.

            Confira a integra da nota.

Comunicação Social TJSP – GA (texto) / AC (foto)
imprensatj@tjsp.jus.br

COMUNICAÇÃO SOCIAL

NotíciasTJSP

Cadastre-se e receba notícias do TJSP por e-mail