Eventos virtuais abordam temas da infância e juventude em São José do Rio Preto e Palmital

Adoção e combate à violência foram assuntos em destaque.

 

Em datas alusivas a temas que envolvem infância e juventude, as comarcas de São José do Rio Preto e Palmital, respeitando o momento de isolamento social, promoveram encontros virtuais para debater questões sobre adoção e combate à violência infanto-juvenil.

Em comemoração ao Dia Nacional da Adoção, celebrado na última segunda-feira (25), o juiz Evandro Pelarin, da Vara da Infância e da Juventude de São José do Rio Preto a convite do Grupo Riopretense de Apoio à Adoção, participou de uma live no Instagram com a psicóloga e educadora parental Maria Inês S. Cardoso para uma conversa sobre o tema “Adoção: Responsabilidade e Amor Incondicional”.

O bate-papo online contou com o acesso de mais de 140 pessoas, que interagiram durante toda a transmissão ao vivo, com perguntas e opiniões. Foram abordados aspectos legais e clínicos da adoção, com destaque para o debate sobre a importância dos grupos de apoio aos pretendentes à adoção ou mesmo aos interessados em refletir sobre o assunto.

“Aqui em Rio Preto, o grupo de apoio à adoção é uma iniciativa da comunidade que ajuda a orientar interessados e também acolhe os novos pais com suas dificuldades. Foi muito importante a nossa live para esclarecer o tema e me chamou atenção o grande número de participantes interessados no assunto”, afirmou o magistrado Pelarin.

Na Comarca de Palmital, sob a coordenação do juiz Luis Fernando Vian, o setor técnico organizou evento para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescente, ocorrido no dia 18 de maio. A professora e assistente social Daniela Emilena Santiago Dias de Oliveira foi convidada para ministrar, no dia 20, por aplicativo de videoconferência, a palestra “Aproximação à Violência Sexual e Doméstica: Em Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

A professora abordou, entre outros assuntos, o conceito de violência sexual e doméstica, sinais que indicam a existência de abuso, dados estatísticos e a importância do enfrentamento e da rede de serviços para o atendimento às vítimas. Participaram o promotor de Justiça Lucas Travain, conselheiros tutelares dos municípios que compõem a Comarca (Palmital, Ibirarema, Campos Novos Paulista e Platina), profissionais de saúde e integrantes do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

 

Comunicação Social TJSP – SB (texto) / Divulgação (foto)
imprensatj@tjsp.jus.br

 

Siga o TJSP nas redes sociais: 
www.facebook.com/tjspoficial
www.twitter.com/tjspoficial
www.youtube.com/tjspoficial
www.flickr.com/tjsp_oficial
www.instagram.com/tjspoficial

COMUNICAÇÃO SOCIAL

NotíciasTJSP

Cadastre-se e receba notícias do TJSP por e-mail