TJSP mantém condenação de quatro acusados de latrocínio

Vítima morta frente à família na volta de viagem.

 

A 9ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve, na última quinta-feira (23), condenação de quatro réus acusados de latrocínio cometido na zona sul da Capital. Somadas, as penas chegam a 103 anos de reclusão, em regime inicial fechado.
De acordo com os autos, a vítima retornava do litoral paulista com a esposa e os sogros. Ao pararem em frente à residência dos sogros, foram surpreendidos pelos acusados, que começaram a retirar os pertences da família. A vítima, ao sair de trás de um dos carros, pois estava retirando as bagagens do porta-malas, perguntou o que estava acontecendo. Os assaltantes se assustaram e um deles disparou. Eles fugiram em direção a uma comunidade próxima, onde mais tarde foram encontrados pela polícia.
Segundo o relator, desembargador Sérgio Coelho, os criminosos agiram conjuntamente, com nítida divisão de tarefas. “As circunstâncias do delito são reprováveis e as consequências lamentáveis, na medida que se trata de crime praticado contra uma família recém-formada e casal de idosos, em frente à residência familiar, em ação extremamente violenta”, afirmou o magistrado. “Os relatos das vítimas evidenciam a desnecessária violência empregada, já que os ofendidos não ofereceram resistência à ação criminosa, sem falar nas consequências psicológicas que certamente decorrem de ação violenta como a descrita nos autos.”
O julgamento, de votação unânime, teve a participação dos desembargadores Alcides Malossi Junior e Silmar Fernandes.
 
Comunicação Social TJSP – SB (texto) / Internet (foto)
imprensatj@tjsp.jus.br

 

Siga o TJSP nas redes sociais:
www.facebook.com/tjspoficial
www.twitter.com/tjspoficial
www.youtube.com/tjspoficial
www.flickr.com/tjsp_oficial
www.instagram.com/tjspoficial  

COMUNICAÇÃO SOCIAL

NotíciasTJSP

Cadastre-se e receba notícias do TJSP por e-mail